De volta

15.5.06 ·
Rome
Rome
Mais algumas fotografias no Flickr.

Como esperava a semana pareceu mais longa que o normal, facto bastante desejável quando se quer aproveitar ao máximo a estadia. Andei muito a pé, mais do que o esperado e aconselhável. Tomei finalmente consciência que nem tudo se pode ver pelos nossos próprios pés. Os transportes públicos funcionam e até são mais baratos que cá, além de usarem o sistema inteligente do tempo, ou seja um bilhete de metro e autocarro dura 75 mins, independentemente de qualquer transbordo.

De História (re)vi muito muito, digamos que uma boa porção dos livros de História de Arte. Ver ao vivo aquilo que já nos habituámos a ver em reprodução é sempre curioso. Já me tenho surpreendido, outras desiludido. Roma surpreende. E é bonito. A dimensão das coisas é o que nos faz ficar boquiabertos e inclinar a cabeça para cima vezes sem conta. A vontade de trepar colunas ou de me agarrar às esculturas para perceber ainda melhor a pequenez do meu pouco-mais-que-metro-e-meio era frequente.

Mas no meio de tanta delícia há a confusão de uma (duas porque fui um dia a Florença) cidade demasiado turística. Filas por todo o lado. Esperar uma hora para ver qualquer coisa não é estranho. Formatarem o nosso tempo de visita também se torna comum com tanta gente a ver o mesmo. O entusiasmo facilmente se acanha pela concentração excessiva de pessoas por metro quadrado. No photo, no film nem sempre funciona... E o que entristece é que tem apenas a ver com questões comerciais. Proibirem o flash é compreensível, mas a fotografia em si, pelo que sei, não lança raio destrutivo algum ao mármore ao ponto de nos sentirmos perseguidos. Concordo que às vezes existe exagero, ainda mais com as máquinas digitais, mas pena é que a proibição, como já disse, exista por questões turistico-monetário-lucrativas.

Comi muitos gelados. Boa pasta e boa pizza. Lá lancei a bela da moeda na Fontana di Trevi, e ao que parece volta-se lá. Espero bem que sim!
E para finalizar, uma nota ao trânsito: CAÓTICO! E passadeiras? O que é isso! Não vale a pena esperar que parem, é andar e esperar que abrandem, no mínimo!

7 comentários:

  1. sandera15:49

    Ai que bela surpresa..passei por aqui ainda sem esperança do post mas cá está ele e maravilhoso.

    Já fui espreitar as fotos e gostei muito. Mas gosto mais de te ter por perto ;-)

    bem vinda amiga!


    bjs

    ResponderEliminar
  2. Lindo!!!!!

    Já me pus a imaginar-te e a trepar esculturas, enquanto te lambuzas num gelado... eheheh!

    Bem vinda de volta!

    ResponderEliminar
  3. Anónimo16:41

    Olá Minha Estrelinha,
    Adorei ver as fotos reviveu-me o fascínio que também senti quando lá estive...
    Recebi a tua mensagem ontem obrigada!
    Jinhos
    A Vizinha do Lado

    ResponderEliminar
  4. Ah, que vontade de voltar a Roma! Só lá estive uma vez, há anos. E tenho uma fotografia ao lado desse mesmo pé :)

    ResponderEliminar
  5. La dolce vita!

    heheheh

    Gosto dessa sensacao, de chegar ao fim do dia com os pes doridos. Na altura eh horrivel, mas a lembranca traz boas recordacoes.

    Welcome back,
    beijinhos
    jd

    ResponderEliminar
  6. Anónimo02:50

    Italia sempre exerceu um grande fascinio sobre a minha pessoa...
    não sei porquê... nunca lá fui!!
    de qualquer maneira o descrever do local, dos gostos e sabores, só aguçou a minha vontade! :)
    Becinis

    ResponderEliminar
  7. Olá Ana! A Rita deu-me o teu blog e tenho a dizer que gosto muito, já estas nos meus "os melhores"...hoje resolvi passar por cá mais uma vez e li este texto que me fez viajar ate 2003, qdo estive em Florença de visita às minhas primas Sara e Mariana. Realmente senti o que tu escreves como rever os livros de história de arte...a cada esquina tem-se inevitavelmente um espasmo...ora um miguel angelo, ora um pontormo, ou um fran angelico...e por ai a fora...
    Em Roma só estive uma tarde, por isso deixo os comentários para qdo la voltar com mais tempo, pq a impressão com que fiquei n foi mto boa, mas tenho consciencia de que não posso confiar nela...
    um grande bjn
    Filipa

    ResponderEliminar